fbpx

Importância da estimulação da linguagem em bebês

As primeiras palavras de um bebê geralmente são pronunciadas a partir dos 8 meses de idade, mas você sabia que mesmo antes de o bebê nascer, ele já começa a aprender noções de linguagem? Pesquisas indicam que por volta da 26ª semana de gravidez, o feto já está com o sistema neurológico e de audição totalmente formado e pronto para atender aos estímulos. 

Conversar com o bebê ainda na barriga é importante para formar o vínculo familiar e com o ambiente externo. Além desse “bate-papo” vale também realizar leituras, ouvir músicas e cantar. O bebê é capaz de receber as emoções sentidas pela mãe e devido a essa ligação, a gestante deve se manter em um ambiente tranquilo e fraterno.

Depois do nascimento, a estimulação da linguagem deve continuar. A criança aprende muito a partir de seu ambiente familiar e social, repetindo, ouvindo e imitando o adulto.  Não tem problema utilizar metáforas de associação para chamar cachorro de “au-au”, pintinho de “piu-piu” ou gato de “miau”, mas é necessário  ter o cuidado em pronunciar corretamente as palavras e evitar o uso do diminutivo para não confundir . Quando a criança fala algumas palavras erradas, os pais devem corrigir sem constranger, apenas repetindo corretamente a frase. Por exemplo, se a criança fala “quer ága”, a mãe em seguida deve dizer “Ah, você quer ÁGUA”.

Além dos familiares e tutores, o trabalho de fonoaudiologia também auxilia bastante no desenvolvimento da linguagem. As fotos que acompanham este artigo foram tiradas durante as sessões de fono realizadas aqui na NeurofisioIntensiva. A princesa Beatriz e o gatinho João Henrique brincaram bastante com a tia Karla e foram estimulados por meio da utilização de fantoche e livros divertidos.
Separamos a seguir algumas dicas de estimulação:

  • Aproveite momentos de atenção para conversar com o bebê, usando palavras simples e frases curtas. É importante manter sempre o contato visual com a criança, em que os pais devem permanecer com o olhar na mesma linha da criança, pois assim ela estará observando os movimentos da sua boca, o que facilitará para a aprendizagem;
  • Pronuncie corretamente as palavras, usando boa articulação e entonação, sem usar o diminutivo;

  • A criança precisa sentir a necessidade de falar. Por isso, os pais não devem atender prontamente aos pedidos quando a criança tenta se comunicar por meio de gestos e balbucios, mesmo que você saiba exatamente o ela deseja;
  • Faça leitura de histórias curtas;
  • Aproveite as situações cotidianas como a hora do banho e da alimentação para estimular o bebê dizendo o nome e as funções dos brinquedos, objetos, partes do corpo, alimentos, cores e quantidades;
  • Cantar músicas é excelente para estimular o ritmo da expressão verbal. Cante sempre e estimule a cantar com você, deixando que a criança complete algumas palavras da canção.

Fale conosco
Enviar mensagem
Rolar para cima

Agende uma visita gratuita